Notícias

Fazenda Terra Límpida é exemplo de produção sustentável, regenerativa e socialmente responsável

Localizada em Cássia dos Coqueiros, interior de São Paulo (SP), a Fazenda Terra Límpida é um modelo de produção sustentável e inovadora, que demonstra como é possível produzir leite de alta qualidade em harmonia com o meio ambiente e com a comunidade local.

O modelo de produção surgiu em 1988, em San Gimignano, na Toscana (Itália), com a criação da fazenda orgânica Poggio Di Camporbiano. Em 2014, o casal de italianos Piero Alberti e Patrizia Narcisi se mudou para o Brasil e desde então, juntamente com os outros sócios, gerenciam a Fazenda Terra Límpida, com o mesmo espírito de respeito à natureza.

A propriedade, com 46 hectares e cerca de 90 vacas da raça Jersey em lactação, se destaca por suas práticas inovadoras focadas na pecuária regenerativa e produção de leite orgânico.

A coordenadora de Leite da Premix, Elissa Forgiarini Vizzotto, esteve recentemente na propriedade, que é cliente da empresa desde 2018, e acompanhou toda a rotina e os processos adotados.

“Através da autossuficiência interna e da utilização de fontes energéticas renováveis, a fazenda se tornou um modelo de sustentabilidade e responsabilidade ambiental, fonte de inspiração para outras propriedades rurais”, destaca Elissa.

Cuidado com os recursos naturais

A gestão dos recursos naturais como a água e o solo é feita com muito cuidado para evitar impactos negativos no meio ambiente. O sistema de depuração e caixas de fermentação foi montado para o aproveitamento dos dejetos líquidos (formado pela mistura de fezes, urina, água da limpeza, restos de ração e outros materiais) para posterior utilização na irrigação da pastagem. Os biodigestores e tanques escavados, impermeabilizados com geomembrana e preenchidos com brita e plantas do brejo, permitem a filtragem por meio da fitodepuração, garantindo que parte da água utilizada seja devolvida limpa ao rio após a reutilização.

O cuidado com o solo inclui práticas da pecuária regenerativa, como  rotação de culturas, adubação orgânica, uso de plantas de cobertura, leguminosas para fixação de nitrogênio e pastejo rotacionado respeitando a altura de entrada dos animais nos piquetes. Estas técnicas têm resultado no aumento da matéria orgânica e microrganismos no solo, melhorando assim a sua saúde e a fertilidade da terra. Além disso, a propriedade implementa práticas de reciclagem de descartes e geração de energia elétrica fotovoltaica.

Os benefícios ambientais, econômicos e sociais para a propriedade incluem a não poluição dos recursos naturais, a redução de custos com a utilização de adubação orgânica e a disponibilidade de recursos naturais para as futuras gerações de produtores.

Alimentação e bem-estar dos animais

O manejo dos animais segue a legislação para a produção de leite orgânico no Brasil e as normas da certificadora de bem-estar animal.  As vacas em lactação ficam no sistema denominado na propriedade de “compost-pasto”, que utiliza o compost barn nas horas mais quentes do dia e pastejo rotacionado irrigado nas horas mais frescas, proporcionando conforto para as vacas.

Cuidados como revolvimento da cama do compost barn para esta estar sempre limpa e “fofinha”, alimentação adequada focada em suprir as exigências dos animais e aumentar a imunidade e o correto manejo de ordenha resultaram em melhor condição de saúde dos animais, redução do conteúdo de célula somática e melhor qualidade do leite.

A fazenda alimenta os animais com uma ampla variedade de grãos e volumosos, muitos dos quais são cultivados na própria propriedade. O sistema de pastejo rotacionado possui pastagens de excelente qualidade nutricional auxiliando na redução de custos com a alimentação.

Os animais são suplementados com Núcleo Leite Vitamínico Fator P e Rúmen Tamponante Fator P, produtos certificados para o uso na pecuária orgânica que ajudam a aumentar a imunidade e sólidos totais. Eles também auxiliam na redução dos carrapatos e reduzem o metano produzido, contribuindo para uma pecuária sustentável, com redução no uso de antibióticos e de gases de efeito estufa. O diferencial do manejo animal escolhido na fazenda reflete o compromisso com a saúde e bem-estar dos animais e a sustentabilidade ambiental.

Produtos lácteos

A propriedade comercializa mais de 20 tipos de produtos, incluindo queijos frescos, curados, mussarela, burrata e ricota, todos feitos com as mais importantes certificações (Estadual, SISP, Artesanal, Selo Arte, certificação para a indústria alimentar, certificação de bem-estar animal e certificação de produto orgânico), garantindo a qualidade artesanal e diferenciando cada produto com características únicas.

As certificações estão presentes nos rótulos dos produtos, o que agrega valor e atrai clientes preocupados com a questão ambiental, com os cuidados com o solo, com os animais e a produção em geral. A maioria dos produtos é vendida em lojas, restaurantes e para famílias na região e também em outros estados do Brasil.

A propriedade possui loja e restaurante, recebendo clientes para almoços e trabalhando com visitas guiadas onde é demostrado todo o processo de criação dos animais e produção dos queijos.

Vantagens da pecuária regenerativa e leite orgânico para o consumidor

Para os consumidores, as vantagens de utilizar produtos oriundos da pecuária regenerativa e do leite orgânico incluem o consumo pautado em preocupações com o meio ambiente, garantindo um planeta mais sustentável para as próximas gerações, o consumo de produtos sem utilização de conservantes ou aditivos artificiais e a garantia que os animais estão sendo bem tratados. O impacto social da propriedade na comunidade local inclui a geração de empregos, movimentação da economia regional e atração de turistas.

Principais desafios e expectativas

Entre os principais desafios da propriedade para produção de leite orgânico está a falta de uma cadeia de mercado estruturada para o produto no país. Além disso, a escassez de colaboradores comprometidos também representa um desafio. No entanto, a propriedade atende aos requisitos legais para produzir leite orgânico e valoriza a correta nutrição dos animais inseridos no sistema orgânico.

Para o futuro, a Fazenda Terra Límpida planeja continuar trabalhando para superar os desafios existentes e expandir, aumentando a produção de leite, o turismo na propriedade, oferecendo cursos e ampliando a variedade de produtos disponíveis, como farinhas, frutas, geleias e mel.

 

Você pode gostar

Mais em:Notícias

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *